DESEJO UM ANO BEM-BOM | Jessier Quirino

2 de janeiro de 2017



Eu desejo uma arapuca
De pegar felicidade
Três caminhão de sossego
Um rio de prosperidade
Mil pulo de alegria
Cem carnavá de folia
Dez anos de mocidade.

Um Ano Novo polpudo
Sem freio e sem vexação
Com almoço, jantar e ceia
De afrouxar cinturão
Saúde da caprichosa
Chei de soneca gostosa
Numa redinha de algodão.

Um Ano Novo melhor
Do que dinheiro achado
Do que manhã de calor
Tomando ponche gelado.

Melhor do que ser governo
Sem precisar de eleição
Do que ganhar na loteca
Sem preencher o cartão
Melhor de que espaguete
Melhor do que toalete
Na hora da precisão.

Dezembro 31, 2016

0 comentários:

Postar um comentário

 
Ontem Escrevi © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo :: design e código gabi